Combate ao Estresse

Captura de Tela 2014-10-27 às 11.36.58

Em 23 de setembro, o dia Mundial de Combate ao Estresse alerta para a banalização da condição, muito falada mas pouco levada a sério. No Brasil, a ideia é conscientizar, tirar as dúvidas e auxiliar os milhares de brasileiros que sofrem com o problema.

Durante a correria do dia a dia, é difícil imaginar alguém que nunca tenha passado por uma situação de estresse e sentido um dos sintomas da doença. Mas é comum as pessoas não darem importância para esses avisos, procurando ajuda somente quando o estresse crônico já provocou alguma doença mais grave. Os sinais mais comuns do estresse são; batimento cardíaco acelerado, dores na região do estômago, tensão muscular constante, insônia e respiração ofegante. De acordo com a International Stress Management Association, ISMA, o problema afeta 80% da população brasileira, sendo que 30% está em nível crítico – quando o estresse é crônico e já acarreta outras doenças. 
 
Para tentar amenizar os problemas que o estresse provoca no corpo e na mente, pesquisadores da NPT – Neuropsicotronics instalada no Cietec – Centro de Inovação da Universidade de São Paulo – USP desenvolveram uma tecnologia de biofeedback  cardíaco, que mede as respostas fisiológicas do coração e, por meio delas, propõe jogos interativos para auxílio na redução do estresse e suas consequências, como ansiedade, depressão, pressão alta e colesterol. De acordo com pesquisa realizada com profissionais submetidos ao treinamento por meio da tecnologia conhecida como cardioEmotion, comprovou-se o aumento na estabilidade emocional dos participantes e melhora no relacionamento interpessoal dentro e fora da empresa; 96% dos profissionais relataram melhora no equilíbrio emocional e 63% redução do estresse ruim.

Cirurgia Plástica Facial

A cirurgia plástica facial tem como objetivo recuperar a jovialidade do rosto é possível com procedimentos cirúrgicos em regiões estratégicas como pálpebras e pescoço. Quem quiser corrigir ou aperfeiçoar o nariz e as orelhas também pode lançar mão de cirurgias plásticas faciais, que utilizam métodos cada vez menos invasivos e têm rápida recuperação.

O rosto denuncia a ação do tempo com marcas na expressão facial. Mas recuperar a jovialidade da pele é um sonho que pode se tornar realidade com a cirurgia plástica. Ela remove flacidez e rugas no pescoço, queixo, maçãs da face e pálpebras.

Em geral, as intervenções no rosto promovem o rejuvenescimento e revertem o aspecto de cansaço no olhar com a retirada de bolsas de gordura das pálpebras. Para alguns casos, pode-se lançar mão, ainda, de aparelhos inovadores, tais como o laser e o endoscópio, que vão além da remoção de gordura e pele para reposicionar as estruturas faciais.

As cirurgias endoscópicas são bem práticas. Realizadas com pequenas incisões (cortes) na pele, têm a ajuda de câmera e monitor de TV que permitem que o cirurgião veja com precisão as estruturas.

Nariz e orelhas, livres da ação do envelhecimento, podem ter pequenas imperfeições igualmente corrigidas pela cirurgia plástica facial.

Botox, preenchimentos e fios de sustentação são procedimentos considerados minimamente invasivos, utilizados sozinhos ou associados às cirurgias quando necessário. O tempo de recuperação varia de 7 a 15 dias, conforme o caso.

Lu Grimaldi

 

 

 

 

Lu Grimaldi
Atriz

12319

Comentários

Categorias